Metrô de portas abertas

Já pensou ver de perto os túneis do metrô ainda em fase de construção? Pois foi isso que fui fazer hoje no Den otevřených dveří – Metrostav (dia de portas abertas)….

… e assim começa o post onde contei sobre a aventura de andar nos túneis subterrâneos ‘fiscalizando’ as obras do metrô em 2013 (veja post completo AQUI)

4 5

Hoje o otevřených dveří, que marcou o nome do evento de dois anos atrás, tem sentido literal: portas abertas… as portas do metrô. A extensão da linha A do metrô em Praga está finalmente concluída e funcionando.IMG_1682

As obras começaram em 2010, bem no ano em que vim para a primeira estadia em Praga. Mal sabia eu que estaria em Czechlands para ver sua conclusão. É certo que o projeto original previa que a linha estaria funcional em 2013 – pelo visto não é só no Brasil que previsões falham.

O que mudou com essas novas ‘portas abertas’?
A primeira vista, um metrô que se estende às bordas da cidade parece não refletir muito na vida dos turistas (cujo o foco é o centro histórico no centro). Seria assim não fosse o fato dessa extensão envolver a conexão ao aeroporto. Ao invés de Dejvická agora o ônibus para o aeroporto, n°119, parte/chega da estação Nádraží Veleslavín.

Havia planos de estender o metrô até o aeroporto, mas parece que o projeto foi arquivado e agora se fala em melhorar a conectividade via fast trains (partindo da tal nádraží). Quem sabe estarei aqui ainda para contar como, quando e se isso acontecer.


Para mais informações sobre o sistema de transporte em Praga visite o site DPP.

O sol das 6 pm

Aconteceu já faz algumas semanas. Saindo do prédio onde frequento aulas de inglês, uma revelação: 6 p.m. e ainda dia claro. Deixei a usual pressa de lado e me permiti saborear aquele céu azul claro ainda iluminado de sol.

É certo que Prašná brána (Powder tower), bem como seus vizinhos-prédios em Náměstí Republiky, tem uma beleza especial (e aterrorizante) quando a iluminação artificial contrasta com o céu azul royal já noturno. À visão desse portão gótico volto no tempo; vou a Praga do século XI quando essa torre ainda marcava uma das muitas entradas da Staré Město.

Mas hoje não viajo no tempo, são 6 p.m. e Prašná brána está iluminada porque ainda é dia claro…

imageedit_2_2364497575

Todos os castelos num só

Dizer que essa é uma terra de castelos, não é nenhuma novidade. Tantas vezes Pražský hrad, o Castelo de Praga, já ilustrou posts nesse blog (veja AQUI, por exemplo). Mas palácios e castelos não são uma exclusividade da capital. Na verdade, se tivesse de falar da República Tcheca de modo geral não seria exagerado dizer que há um castelo em cada esquina. Eis aí o mapa que não me deixa mentir…

imageedit_2_7254370369

Quando os dias começam a se tornar mais curtos em novembro e dezembro, muitos castelos iniciam seu período de ‘hibernação’, reabrindo a visitações apenas em meados de março. Contudo, esse inverno trouxe uma oportunidade única: todos os castelos e chateaux reunidos num único lugar… Pražský hrad.

Desde dezembro, a sala de exposições Jízdárna, no Castelo de Praga, abriga as peças mais representativas que normalmente estariam distribuídas nos inúmeros castelos que permeiam Czechlands. Organizadas cronologicamente, esses tesouros contam um pouco história do país e são muitas vezes de admirável beleza.

2015-02-01-105

2015-02-01-103

Mas o destaque da exposição é o Relicário de St Maurus, considerado o segundo  artefato histórico mais importante da República Tcheca.

File 14.03.15 16 01 46

Essa preciosidade tem uma interessante história de idas e vindas (veja no wiki), até que por fim foi confiada ao castelo de Bečov onde, mesmo estando aberta ao público, conta com visitação controlada.

A exposição em Jízdárna se encerra amanhã. Então ainda dá pra ir conferir o relicário contemplando seus detalhes sem pressão de tempo controlado.

File 14.03.15 16 02 18

Mas mesmo que você não consiga visitar essa exposição, Jízdárna vale a visita… nem que seja apenas uma parada para um café no seu jardim com vista para a catedral de St Vitus 😉


Para mais informações sobre a exposição, veja:

http://www.kulturanahrade.cz/en/exhibitions/programme/current-exhibitions/castles-chateaux-rediscovered-and-celebrated-533.shtml

Apenas mais um dia de inverno

Um lindo dia de inverno, com sol, céu azul e um vento gelado a queimar o rosto.

imageedit_2_4373154494É certo que o sol não é, digamos, funcional. Sejam 2, 3, ou os 5 graus de hoje, qualquer dessas variantes ainda é frio bastante para uma paulista. Mas o frio pouco importa se o sol lá estiver para enfeitar o azul do céu.

No mais, gosto de janeiro aqui – digam o que disserem os homens do tempo em suas previsões. Este é, possivelmente, o único mês no calendário em que Praga está apenas para os tchecos (e agregados, como eu). Os prazeres da baixa temporada.

Apenas mais um dia de inverno… e Praga, pura paz.

dia 20. Peaceful

Eis aí um adjetivo que não cabe muito bem a uma descrição de Praga (especialmente no verão). Praga é turisticamente busy. Mas conheço um lugar onde se esconde a tranquilidade no centro da cidade:dia20

Do convento, e subsequente monastério, restou a igreja dedicada a Santa Catarina. Hoje, esses jardins abrigam um hospital… ou será um manicômio?! Pelo sim e pelo não, talvez não seja o mais seguro dos lugares para uma matemática ficar de bobeira 😉

#August Break 2014