Natal – depois da carpa, o porquinho

O título do post não vem anunciar mais comilança ou o tradicional schnitzel que se serve no almoço do dia 25. Varias superstições cercam a véspera de Natal em Czechlands, e por alguma razão que foge ao meu entendimento esse povo sem religião preza uma forma de jejum no dia 24. Diz a superstição que as crianças que controlarem a comilança até a hora do jantar de Natal verão zlaté prasatko, porco de ouro. imageedit_3_8625020075

Outra variante faz menção apenas a abstinência de carne. Sendo um ou outro, a superstição foi eternizada desde que virou tema do comercial da Kofola (a versão tcheca da coca-cola). Independente de como foi seu dia 24, divirta-se com o ‘porquinho de ouro’

Preparando o Natal – a árvore

Enquanto muitas lojas ressucitaram a decoração de Natal já em meados de novembro, nas casa tchecas a agenda é outra. Apesar do Natal já se fazer presente em alguns detalhes da decoração da casa, só mesmo no dia 24 é que a árvore de Natal vem tomar seu lugar de destaque na festa.imageedit_6_8270275045

O pinheiro certamente já aguarda no quintal desde o dia em que foi escolhido numa das vendinhas espalhadas pela cidade.DSC04027

O diferencial na decoração fica por conta do perník, os biscoitinhos decorados tal qual se vê nos filmes.imageedit_9_6784233503

Preparada a árvore, os presentes logo virão compor a cena…lembrando que aqui os presentes são obra de Ježíšek, o menino Jesus, e não de Papai Noel (veja o post sobre o tema AQUI). O grande momento se dá logo depois do jantar, quando todos se reunem em torno da árvore para a distribuição de presentes.

Desejo que aos pés da sua árvore de Natal você encontre um presente de Ježíšek…ou de Papai Noel. Veselé Vánoce! 😉imageedit_12_8760366536

Preparando o Natal – carpa

O que faz tradição da mesa do Natal brasleiro? Peru? Pernil? Chester? Tender? Com exceção da rabanada, creio que o cardápio da ceia varie bastante. Aqui, por outro lado, a variedade está no cukroví, já o menu do dia 24 é bem definido: kapustnica (sopa de peixe), smažený kapr (carpa à milanesa), bramborový salát (salada de batata ou maionese).

Como a carpa virou o prato tradicional do Natal tcheco, não sei. Pergunta de mais simples resposta é: onde os tchecos vão buscar a carpa?imageedit_3_3862279545

image

A ‘pesca’ acontece ali na hora, e depois de confirmar se o peso da gorduchinha satisfaz as expectativas há duas opções: pedir que o ‘pescador’ mate-a com uma paulada e lhe corte a cabeça ou enfia-la num saco e leva-la pra casa vivinha da silva. Falo sério! A fim de ter um peixe mais fresco, algumas famílias terão a carpa nadando em suas banheiras até o momento do sacrifício.DSC04028Ah e atenção: sentir pena da carpa dá azar.

image

Eu, particularmente, acho que peixe no Natal engorda menos. Não porque peixe é saudável e blá-blá-blá (até porque não tem como ter peixe mais gordo que a carpa)… fato é que com tanta espinha, comer dá trabalho, então se come menos 😉

Com peixe ou peru…boa comilança. Digo, bom Natal!!

Preparando o Natal – vánoční cukroví

Natal começa muito antes do dia 24-25 e isso se aplica principalmente aos vánoční cukroví, os biscoitinhos natalinos. Na verdade, dizer ‘biscoitinhos’ não faz jus à variedade de amanteigados que saem dos fornos tchecos em diferentes formatos, com recheio ou cobertura, com chocolate, geléia ou mesmo licores. Vánoční cukroví é essa riqueza de tipos e sabores, uma dezena (ou mais) de opções.

imageedit_2_4819651525

Então esse ano meu plano era desvendar os segredos dessa tradição natalina – para isso desde sábado cá estamos com minha família tcheca. Qual não foi minha surpresa quando já nossa chegada foi celebrada com uma degustação de cukroví… isso sem falar nos perník decorando a casa aqui e ali. Mas não entenda mal, isso está longe de ser uma artimanha da sogra para proteger os segredos dos cukroví; acontece que algumas dessas gostosuras precisam de tempo para atingir seu nível de irresistível na noite de Natal.

Hoje tomei parte nessa tradição: misturei combinações secretas do que haveria de ser o recheio de um bolo-pão-de-mel; recortei flores, estrelas e corações para biscoitos que mais tarde receberiam uma cobertura de açucar; uni biscoitinhos com uma camada de geléia…

image

Sim, tentei registrar o processo, mas só quando sentei aqui para escrever esse post descobri que não tinha como baixar as fotos. As receitas continuam um mistério…quem sabe mais uns anos de Natal tcheco consigo esses segredos revelados 😉