#AugustBreak – dia 18: One regret

Just one?!
Um arrependimento?!

As histórias que não contei; me arrependo daquilo que não escrevi e que talvez assim tenha se perdido no mundo das palavras não ditas.
De resto, os tropeços até aqui ou o que eu poderia ter feito diferente… para todo o resto prefiro (ou tento) pensar como Pedro:

O nome disso é evolução.

A post shared by Um cartão (@umcartao) on

 

#AugustBreak2017

 

Anúncios

#AugustBreak – dia 9: Postcards

Ainda ontem uma pessoa querida me disse: “Você é das antigas, dessas que usa carta.” Pois é, não sou dada a souvenirs, mas em cada passeio ao menos um cartão postal há de voltar comigo — e, com sorte, encontrará seu caminho para uma caixa de correio especial.

Há três anos atrás escrevia um post sobre os postais escondidos-esquecidos em minhas gavetas (veja AQUI). Três anos depois continuo a acumular histórias não contadas em formato de postais. Mas vez ou outra, quando acontece eu revisitar essa coleção (e sim, acontece), meus olhos redescobrem esses lugares, a caneta desliza sua história e assim espero levar um sorriso a alguém do outro lado do oceano.

Acho que sou mesmo das antigas, dessas que ainda escrevem cartas.

#AugustBreak2017