Waiting list x Bookstore

Cem anos de solidão, If you could see me now, O teorema Katherine, Poemias, A year in the world, Alguém especial… e a lista de espera continua a crescer. Mesmo assim, apesar dos livros em papel e da biblioteca do meu kindle, não resisto uma visitinha à livraria.books-389392_1280

Em minha última visita, enquanto procurava o (caro) objeto de meus desejos, observava todos aqueles livros no estande de desconto… tantos títulos que talvez nem cheguem a cumprir seu objetivo: ser lido. Triste. Mais triste que encarar que uma vida não é suficiente para ler tudo o que eu gostaria. Tão triste quanto os livros lidos empoeirando na estante seja por uma promessa de releitura (quase sempre não cumprida) ou por simples apego.

Meu orçamento não permite salvar os livros solitários da livraria, nem cabe a mim prolongar a vida para satisfazer o bookworm que vive cá dentro. Mas os livros da estante, o destino desses eu posso mudar.Bookcrossing_Blogueiro_livros_livres_2O objetivo do BookCrossing é deixar um livro que você já leu ‘passear’ pelas mãos de outras pessoas. O projeto BookCrossing Blogueiro, criado pela Luma, já está em sua 10ª edição e acontece de 16 a 23 de abril. Participar é simples e nem é preciso ter um blog: basta escolher um livro e deixá-lo n’algum lugar ao alcance do próximo leitor com um recadinho dizendo que aquele é um livro livre – para ser lido e depois libertado novamente. Veja AQUI como divulgar sua participação.

Eu vou participar, e você?

Anúncios

5 respostas em “Waiting list x Bookstore

  1. Sinto exatamente o mesmo quando vou à livrarias, tenho vontade de salvar todos aqueles livros que nunca serão lidos. São livros demais! Quem vai ler tudo isso?? Fico com muita pena… Infelizmente a vida é curta demais pra ler, assistir, fazer tudo que gostaríamos 😦
    “Ignorance is bliss”

  2. Oi, Gi!
    Que delícia de postagem 😀 Além de tudo o que escreveu, também acho um desrespeito com o autor deixar que seu livro fique enclausurado em uma estante. Imagina o tempo que ele se dedicou para escrever o livro. Além do tempo, trabalhou suas ideias, rascunhando, revisando e nem sempre encontrando um editor, tendo que também trabalhar para conseguí-lo. Muitos não conseguiram e tiraram dinheiro do próprio bolso para publicar o primeiro livro.
    Me desculpem aqueles que gostam de livros mofados e empoeirados, mas atualmente chega a ser ridícula a pessoa que manter estantes de livros intocáveis #prontofalei.
    Obrigada por divulgar o BookCrossing Blogueiro!! Muito bacana ter você novamente participando 🙂
    Beijus,

    • Luma, querida, é um prazer particpar desse projeto. Nunca tinha pensado no livro pelo lado do autor, mas você tem toda razão. Tanto esforço num exemplar merece ser floheado-reconhecido mais do que uma unica vez, por um unico leitor. Começa amanhã a aventura dos livros 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s